Marcadores

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Valérian et Laureline, a série animada


Anteriormente, falei de produções baseadas na ficção científica ocidental para o público japonês e de animações encomendadas por europeus a estúdios japoneses, é o caso de  Valérian et Laureline (chamada inicialmente de Valérian, agent spatio-temporel).



                                       



Lançada em 1967 na revista francesa Pilote (onde também surgiu Asterix de Goscinny e Uderzo) e publicada em álbuns pela Dargaud (editora da revista Pilote) a partir de 1970, é uma série de quadrinhos franco-belga criada por Pierre Christin (roteiro) e Jean-Claude Mézières (desenhos) dos gêneros space opera e viagem no tempo sobre dois viajantes espaço-temporais  do século 28. A série foi encerrada em 2010 com o vigéssimo primeiro álbum, L'OuvreTemps. No Brasil, a série foi publicada entre 1983 e 1985 nas páginas do Globinho do jornal O Globo, contudo, era possível comprar os álbuns encadernados publicados pela editora Meribérica publicados entre 1983 e 1999, a editora publicava em diversos países lusófonos, tendo inclusive uma filial no Brasil, tanto que em 1990 publicou Leão Negro, série brasileira de Cynthia Carvalho (roteiro) e Ofeliano de Almeida (desenhos), que também foi publicada no jornal O Globo.






Mézières planejava uma série animada desde 1976, contudo, apenas em 2005, começaria uma produção da Dargaud com o estúdio japonês Satelight e a produtora EuropaCorp do cineasta francês Luc Besson, fã da série, Besson trabalhou com Mézières no filme O Quinto Elemento (1997). A série foi lançada em 2007 e teve 40 episódios, a produção não é considerado um anime, uma vez que os roteiros foram feitos pelos europeus, contudo, ela conserva o estilo mangá/anime. A série foi roteirizada por Peter Berts, Agnes e Jean-Claude Bartoll Jean Helpert, Jean-François Henry, Julien Magnat, Eric e Henry Rondeaux Steimensont, os designs foram feitos por Charles Vaucelles e Fumihide Sai e Makoto Uno (personagens) e Shōji Kawamori e Tsutomu Suzuki (máquinas). Atualmente, a série está disponível no site de streaming Crunchyroll (em inglês).

Character design da série Fonte:Settei.net






Em 2012, Besson foi anunciado como diretor de uma adaptação cinematográfica da série, em 2015, a produção do filme começou, o filme é previsto para ser lançado em julho de 2017.
Por conta do lançamento do filme, a editora Sesi-SP anunciou que publicaria álbuns da série no país.
Em maio de 2017, a editora lançou o primeiro volume de Valérian Integral, contendo os três primeiros álbuns, esse é o primeiro uma série de seis volumes com todos os álbuns.
Concept de Mézières para O Quinto Elemento
Fontes e referências



Valérian - Bedeteca Portugal

Valérian - BD Nostalgia Database Comics Portugal

Valerian - Cool French Comics

Anime... Or Not?!

Novas HQs francesas nas telinhas

[Web] Blog + Trailer de la série de Valérian

Valerian - Luc Besson vai dirigir filme baseado na clássica HQ de ficção científica francesa


Valérian, O Agente Espaço-Temporal, ganhará versão cinematográfica de Luc Besson


Na Comic-Con, Luc Besson diz que ‘Valerian’ será “Sr. e Sra. Smith no espaço”

Peripécias de Laureline e Valerian


Resenhamos Bem-vindo a Alflolol, um dos mais políticos álbuns. ... dos mais políticos álbuns de Valerian, O Agente Espaço-Temporal


Heróis do Equinócio, um álbum de Valerian que toca na questão da infertilidade e flerta com o universo dos super-heróis

Estande promocional do filme “Valerian e a Cidade dos Mil Planetas” impressiona na CCXP 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário